domingo, 4 de julho de 2010

7 comentários:

  1. Lindooooo, muito lindoooo!!!

    ResponderExcluir
  2. Amo essa tua intensidade, em tudo o que escreves vc passa paixão, amor, sensualidade

    ResponderExcluir
  3. Amei tudo aqui. Aliás eu amo você!!
    Mas tudo que vem de você é intenso,
    magnânimo e com bastante veracidade.
    Sou eternamente sua fã.♥

    Bjks filhuxa.

    ResponderExcluir
  4. Mamy!!!! Amada!!! Obrigada!!!
    Amo você, também!!
    Saudades sempre...

    ResponderExcluir
  5. Mana seu blog ta lindooooo!!Vc é maravilhosa...Parabens pelas poesias.Amo vc!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Essa frase me l~e tanto menina, tanto....deixo-te um pra que vc perceba o qto...esse me ler e deve ler tb a vc.

    Cultivavas o vício da paixão com um método implacável. Corrias em contra-relógio. Procuravas a imobilidade de um tempo-pedra que já era o teu. O nosso - mas como podíamos dizê-lo, se tínhamos de continuar vivos? Nos breves dias em que vivias desapaixonada, tornavas-te impossível. Nada te entusiasmava.
    .
    Inês Pedrosa
    Em fazes-me falta!

    Bjos minha linda!

    Erikah

    ResponderExcluir

despertares